GAAB - Prazo De Validade (feat. MC Davi, Rodriguinho, Vulgo FK) letra (lyrics)

Gaab

Davi Almeida

Vulgo FK

[GAAB - Prazo De Validade feat. MC Davi, Rodriguinho, Vulgo FK letra lyrics]

Sua presunção não vai mudar a situação
Se não quer nada sério, então habla, passa a visão
Que o tempo tá passando, no freezer meu coração
Não vou parar minha vida esperando sua indecisão
A noite é uma criança, convite vários bailão
Você é muito gata, mas não esboça uma reação
Talvez a sua idade tá pedindo curtição
E a imaturidade vai te trazer frustração
Eu só vou deixar minha opinião
'Cê toma atitude na emoção
Você vai falhar nessa missão
E vai ver que tudo foi em vão
Pode ir nesse mar de ilusão
Só não se afoga na ambição
Já que 'cê tá cheia de razão
Esse é o preço da ingratidão

Tudo tem prazo de validade, é uma verdade
Não é maldade minha
Tá querendo abraçar a cidade, barbaridade
'Cê vai morrer sozinha


Tudo tem prazo de validade, é uma verdade
Não é maldade minha
Tá querendo abraçar a cidade, barbaridade
'Cê vai morrer sozinha

Hey, hey
Como era bom te pegar de todo jeito
Em toda hora, em todo lugar
Ouvindo som, seu gemido tinha efeito
Pedia pr'eu continuar
Mesmo ramelando, ainda sinto falta
Mesmo disfarçando, ainda penso em voltar
Água fria na minha cara pra acordar
Vergonha na cara eu tenho que tomar
Já peguei melhores, piores, mas nunca como você
Tá foda te esquecer
Mas depois eu fui saber
E vi que você tá pouco se fodendo
Pro que tão dizendo
Hey

Tudo tem prazo de validade, é uma verdade
Não é maldade minha
Tá querendo abraçar a cidade, barbaridade
'Cê vai morrer sozinha
Tudo tem prazo de validade, é uma verdade
Não é maldade minha
Tá querendo abraçar a cidade, barbaridade
'Cê vai morrer sozinha

Nem vou pra academia
Com ela, o treino fica pago (Okay)
Grita baixin', mas só por causa do horário
Rasguei o seu vestido, depois te comprei um mais caro
Sob medida, pra deixar seu corpo marcado
Depois disso, você disse pra eu não te ligar
Mas não lembra quem foi o primeiro que te fez amar
Esse tempo longe é pra pôr as coisas no lugar
Ou tirar de vez; muito prazer, seu ex
Eu falei, eu tentei, eu mostrei, mas te juro, não dá
Eu não contei pra ninguém, vou deixar você mesma contar
Se quer ir, eu tô bem, me diz quem te segura, vai lá
Se me ver por aí com outro alguém, não vale reclamar

Tudo tem prazo de validade, é uma verdade
Não é maldade minha
Tá querendo abraçar a cidade, barbaridade
'Cê vai morrer sozinha
Tudo tem prazo de validade, é uma verdade
Não é maldade minha
Tá querendo abraçar a cidade, barbaridade
'Cê vai morrer sozinha

Yay
É foda saber que a gente ainda combina
E talvez os ciúmes que afastou eu dessa mina
Será que toda vez que a gente se encontrar
Você vai ficar de canto e nós dois cruzando olhar?
Sempre que nós transa o tempo passa e eu nem vejo
E o desejo, ele aumenta mais
Lingerie dela guarda um segredo
Com respeito, eu sei que logo nós volta a transar
Bolsa da Louis V, ela gasta o dinheiro do pai dela
Sabe que comigo te levo pra conhecer a favela
Abusada, ela fala do tapa que eu marquei a bunda dela
Da próxima vez eu não te escuto ou não te levo a sério
E para de ouvir suas amigas, comentário alheio
Isso é uma armadilha pra gente acabar
Mas se eu ver que não tem mais jeito, eu respeito
Eu prefiro ir embora pra não pior

Tudo tem prazo de validade, é uma verdade
Não é maldade minha
Tá querendo abraçar a cidade, barbaridade
'Cê vai morrer sozinha
Tudo tem prazo de validade, é uma verdade
Não é maldade minha
Tá querendo abraçar a cidade, barbaridade
'Cê vai morrer sozinha

Interpretação para


Adicionar interpretação

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z #
Interpretar